terça-feira, 26 de fevereiro de 2013

NEUROPEPTÍDEOS NOSSOS PENSAMENTOS SÃO RESPONSÁVEIS POR NOSSA SAÚDE


“Como imaginou na sua alma, assim é.”
Provérbios 23:7

Imagine como seu sistema imunológico tem que se defender aos ataques à que estão sendo submetidos. Se você acha que as bactérias são maléficas, doença do legionário e da gripe são perniciosas, você ficará surpreso ao saber que os médicos e cientistas de investigação concluíram que o mais temido inimigo no corpo não são os micróbios…e sim os pensamentos e as palavras de todos os dias.

E mais: existe um nutriente de efeitos terapêuticos mais eficaz que as vitaminas, os minerais, as enzimas, os sucos naturais e as ervas medicinais: O AMOR.

O cérebro trabalha constantemente, todos os dias do ano, a toda hora, não fecha por festas nem tem férias. Os pensamentos não cessam nunca! É o computador que dirige o organismo e regula praticamente cada uma das funções do metabolismo e seu equilíbrio químico.

Desde o sistema nervoso até a atividade sexual, passando por milhares de atividades normais, da qual você não tem nem ideia, o cérebro é o que comanda e está constantemente criando, guiando, regulando, equilibrando e mantendo todo o organismo a cada momento do dia de acordo com os pensamentos que temos e emoções que temos. sentimos.

A ciência descobriu que de acordo com nossos pensamentos, o cérebro produz substâncias que abrem o que se poderia chamar uma janela. Quando os pensamentos acabam, a janela se fecha.

Por exemplo: quando você vê a pessoa que em seus pensamentos imagina ser a pessoa de seus sonhos e sente amor, essa sensação incrível, percorre seu corpo não é outra coisa senão uma uma substância química. Quando tem pensamentos “calientes” e se excita sexualmente, se deve ao fato do corpo ter liberado outra substância química.

Quando alguém lhe dá uma fechada no trânsito, nesse momento, seus pensamentos são de que você gostaria de ter consigo uma arma laiser para desintegrar este sujeito. Essa ira que sente, esse ácido corrosivo que é jogado no sistema circulatório, no estômago, é outra substância segregada pelo cérebro.

Essas substâncias segregadas pelo cérebro se chamam Neuropeptídeos. E é aqui onde fica inquietante:

A ciência médica fez uma descoberta na última década que passou praticamente inadvertido.

Já era sabido que as células do sistema imunológico, como as demais, tem estações de descargas em sua membrana para assimilar diversas substâncias.

O que se descobriu foi que, na membrana de cada um dos linfócitos que defendem o corpo das bactérias, vírus, fungos, parasitas e câncer, na realidade, toda doença é um ponto de carga que recebe os Neuropeptídeos como consequência de nossos pensamentos.

Já não tem trabalho bastante com tantos micróbios presentes no ambiente e a proliferação exponencial do câncer? É necessário intrometer-se em nossa vida e monitorar nossos pensamentos que são as conversas privadas que nós temos com nós mesmos? Isso não é tudo!

Já vimos que o sistema imunológico passa o tempo todo escutando nossos monólogos interiores ( pensamentos ) enquanto nenhuma célula, nenhum órgão, nenhum outro aparato do organismo monitora a outro se não está preparado para responder a informação que obtém.

O sistema imunológico não só escuta como reage aos pensamentos. Isto é o que afirma a ciência médica: que as células que defendem o organismo tem pontos concretos de recepção de Neuropeptídeos, as substâncias que o cérebro produz com cada pensamento.

E que a resposta destas células aos germens patogênicos varia dependendo de que se fortaleça, se debilite ou deixe de funcionar totalmente devido à estas substâncias.

Todos pensamentos tem conseqüências físicas e pelo que vimos o cérebro está constantemente vasculhando nossos pensamentos.

comoganharmais.com

Nenhum comentário: