segunda-feira, 9 de janeiro de 2012

REGISTROS AKÁSHICOS REGISTROS BÚDICOS

Os Registros Akáshicos é uma biblioteca de ações de cada alma, pensamentos e emoções que tiveram um lugar no planeta Terra e em outros sistemas planetários. Todos os eventos de pequeno ou grande porte são permanentemente gravados na grade eletromagnética do planeta e do cosmos.

Os Registros Akáshicos são as matrizes de nossas vidas passadas, presente e futura, todas misturadas. Estamos agora entrando em uma existência multi-dimensional, onde tempo e espaço não existem, então todas as partes de vocês estão migrando para uma unidade – a pessoa que você é agora.

Existem três níveis das câmaras de registro akáshicos e nenhum nível é melhor que o outro. O primeiro nível é o lugar onde toda a consciência coletiva do planeta é gravada, incluindo os pensamentos, emoções e ações de cada alma ao longo da história.

O segundo nível é o excesso de pureza e energias divinas que vêm do primeiro nível. E, o terceiro, mais alto nível é o que registra as gravações das melhores energias que vem dos outros dois níveis.

Todo mundo tem a habilidade de se re-conectar com a fonte primordial como um ‘detentor de registro espiritual’ e é capaz de chamar a todos seus orientaores multi-dimensionais para receber as respostas de suas própria perguntas. Você é capaz de ser seu próprio guia, psicólogo, guru espiritual e professor. Sempre que você tem uma situação problemática ou um desentendimento com um indivíduo, esses incidentes ocorreram antes em outro tempo e lugar.

Se você tem perguntas para um problema ou situação, existem várias portas para escolher com muitas soluções variáveis. A porta A tem uma resposta, a porta B tem outra, e assim por diante. Se acontecer de você escolher a porta errada, o problema vai surgir novamente. Escolhendo a porta correta conecta-se realmente com o que há de melhor para todos e não apenas para você. Essa escolha cria harmonia, beleza, paz e cura para todos os envolvidos.

Os Registros Akáshicos estão disponíveis para todos. Algumas das respostas não serão do seu agrado. No entanto, elas vão conter a energia da “verdade” de quem você realmente é e o que supostamente sejam seus aprendizados. Quando os seus guias sentirem que você está pronto para continuar por si próprio, você terá permissão para acessar seus registros quando você tiver a “necessidade de saber” outras informações. Isso geralmente se realiza sem canalização de transe e quando você está pleno de consciência, desperto e alerta.

É muito importante estar bem enraizado para receber e manter as freqüências que vem de dentro. Esta é a razão pela qual deve se estar ligado a natureza para ter um bom aterramento. Caso contrário, você pode sentir tonturas ou mal estar e seu corpo pode não ser capaz de manter a vibração por muito tempo e suas respostas parecerem pouco claras.

As informações do Registros Akáshicos só será dada a uma pessoa quando ela está sendo usada para curar a si mesma e sua parcela do planeta. As informações podem vir a você da mesma maneira quando você está meditando ou canalizando. Você pode ver imagens holográficas ou simbólicas, ouvir sons, começar a escrever, ou apenas de repente “saber” a resposta.

Os Registros Akáshicos não devem ser usados ​​para adivinhações ou recordações de vidas passadas como um divertimento. Eles são muito sagrados e são protegidos por seres de luz em sentinela. Você não vai ter acesso a todos os registros a menos que tenha integridade e disciplina em seus hábitos diários e pensamentos. No entanto, você vai continuar a ser ajudado, abençoado, honrado e guiado pelos reinos dos espíritos em sua mais alta manifestação.
shakyamuni.net.br/

O DHARMA DE CADA UM

Seu dharma pessoal é o caminho que você segue em direção à mais alta expressão de sua própria natureza e em direção ao preenchimento das responsabilidades com você mesmo, com os outros, com a nossa sociedade e com o planeta. No Bhagavad Gita, Krishna fala frequentemente do dharma como algo nato, um chamado da vida que foi dado a cada um de nós e do qual nós temos que dar conta por nós mesmos. Mas ele também usa essa palavra para falar de ação correta, e para a maioria de nós, dharma pessoal se resume à questão mais básica: qual é a coisa certa para eu fazer agora? Ou, dada a minha natureza, minhas habilidades e minhas preferências pessoais, que ações eu deveria realizar para atingir um bem maior?

Frequentemente associamos dilemas do dharma com situações em que nossos desejos estão em conflito com nosso senso de responsabilidade pessoal ou profissional. Mas tão frequentemente quanto isso, nossos conflitos de dharma não são sobre desejos mas sobre responsabilidades que nos competem. Algumas vezes temos que enfrentar escolhas em que não importa o que façamos, alguém vai se machucar.

Mesmo quando a ação correta a fazer é óbvia, você nem sempre pode ser a pessoa certa a realizá-la. (Se você não sabe nadar, pode ser do interesse maior de todos que você não pule no rio para tentar salvar uma criança que se afoga.) A ação correta para você em um dado momento pode não ser a ação correta pra mim. Isso é o que torna a contemplação do dharma pessoal tão exigente e vital.

Sally Kempton, trecho publicado noYoga Journal

MUSICA ANALOGIA PRECISA COM A ESTRUTURA DA TEIA DE ARANHA


Cientistas descobriram uma relação matemática que mostra uma analogia precisa entre a estrutura física da teia de aranha e a estrutura sonora de uma música.
 
Isto prova, segundo eles, que a estrutura de cada uma delas tem uma relação similar com a sua função.
 
Ou seja, a "lei" matemática que descreve a relação entre as proteínas que formam a teia de aranha e suas propriedades de resistência e leveza é a mesma que descreve a relação entre as notas musicais e o efeito que a música exerce sobre o ouvinte.
 
Além das claras implicações filosóficas da descoberta, a metodologia matemática poderá guiar os cientistas na sintetização de novos materiais.
 
Esses materiais poderão ser criados para atender a necessidades específicas, por meio da repetição de padrões de estruturas menores, da mesma forma que as proteínas são reunidas para forma a teia de aranha, ou as notas musicais são reunidas para formar uma melodia.
 
Mas o que têm em comum uma teia de aranha e uma melodia?
Para descobrir isto, os pesquisadores fizeram uma comparação passo a passo que começou com os blocos fundamentais de cada um deles - um aminoácido e uma onda sonora - e foi até um segmento de fio de seda e uma canção simples.

A conclusão de David Spivak, Markus Buehler e Tristan Giesa parece surrealista.
Segundo eles, os padrões estruturais das proteínas estão diretamente relacionados com a leveza e a resistência da teia de aranha, da mesma forma que a "tensão sônica" das notas da canção está relacionada com a resposta emocional induzida no ouvinte.

Ao encontrar similaridades com exatidão matemática entre coisas tão diferentes, os pesquisadores demonstraram que sua metodologia pode ser usada para a comparação de descobertas científicas em áreas diferentes.

O trabalho também sugere que os engenheiros poderão ampliar seu conhecimento dos sistemas biológicos estudando a relação existente entre a forma e a função de cada elemento.

Finalmente, e de forma mais prática, o trabalho abre a perspectiva de que, de posse de uma necessidade - por exemplo, um material com propriedades específicas para atender a uma determinada função - os engenheiros possam sintetizá-lo repetindo padrões simples já encontrados na natureza.

A conexão entre a forma e a função de um material é estabelecida por um mecanismo chamado "log ontológico", ou olog.

Um olog é um meio abstrato de categorizar as propriedades gerais de um sistema - seja ele um material, um conceito matemático ou um fenômeno - revelando as relações inerentes entre sua estrutura e sua função.

"Há indícios crescentes de que padrões similares de estruturas materiais em nanoescala, tais como aglomerados de ligações de hidrogênio ou estruturas hierárquicas, governam o comportamento dos materiais no ambiente natural," afirma Buehler.

Segundo ele, o estudo permitiu então "compilar informações sobre o funcionamento dos materiais de forma matematicamente rigorosa e identificar os padrões que são universais para uma grande classe de materiais."

"Seu potencial para modificar o ambiente - no projeto de novos materiais, estruturas ou infra-estrutura - é imenso," conclui o pesquisador.

Site Inovação Tecnológica