sexta-feira, 30 de novembro de 2012

KUNDALINI E ESPIRITUALIDADE

" Precisamos alcançar o iluminado nível de consciência, que nos situa em um determinado degrau da escada evolutiva e que nos capacita sentirmos as células do nosso corpo vibrar, sem tanto mais com a necessidade do orgasmo físico.

A energia sutil da Kundalini é a energia da criação ativa que percorre no sentido ascendente a nossa espinha dorsal no instante em que despertamos para a nossa Transcendência Divina, "conectando-nos" com um estado mental interior de alta vibração/aceleração, que nos leva a um contentamento profundo e a uma Alegria Interior imensurável.

Anandi Ma, uma das mulheres consideradas santas da Índia, alcançou um estado mais elevado de consciência através de sua energia da Kundalini corretamente desperta. A presença desta "Sacerdotisa" às vezes se faz notar apenas pela magia que carrega em seu olhar e em seu sorriso, como uma Amazona/"Sacerdotisa" que possuía o dom da magia do olhar e do sorriso. Este Ser Iluminado também encanta os indivíduos através da arte de cantar, entoando mantras de uma maneira simples e doce, deixando através da energia vibratória de sua voz transparecer a sua divindade.

Quando a mente do discípulo se torna completamente tranqüila, o Guru transmite Shaktipat, que é uma transferência de consciência/energia e que como conseqüência recria na alma receptiva do discípulo o próprio estado de compreensão espiritual do Mestre. Através desta prática contínua o discípulo aprende a estabilizar a si mesmo neste estado mais elevado da consciência e adquire finalmente, a capacidade de induzir estados semelhantes em outros indivíduos".

A Amazona já as tinha despertas e, portanto, conseguia naturalmente encantar e atrair multidões pela sua magia e pelo seu magnetismo. As vibrações sonoras que ela emitia, eram a sua "arma poderosa" e dona de extraordinárias faculdades mentais, se qualificava em sua para-normalidade como "deusa/sacerdotisa". Energia do Amor Puro Uno da Manifestação irradiada da Fonte Criadora, que dá gestação aos mundos.

Estamos entrando em uma Nova Era. Está surgindo um Novo Tempo para uma Nova Consciência, onde a teoria e a prática terão coerência entre si. Neste Novo Tempo devemos como dimensionais interagir mais constantemente com a quarta dimensão e, portanto, para que nos mostremos na nossa condição para-normal de "deuses" e "semi-deuses", não devemos mais ficar limitados "no jogo da dualidade". Atualmente, no palco da vida, estamos atuando como atores de péssima qualidade, atores sem nenhuma vocação e talento vivenciando de falsas ilusões em um mundo mascarado.

Deveríamos como humanidade vibrarmos direcionados para uma só Consciência e não nos dividirmos através do nosso pensar/agir, indispondo/conflitando uns com os outros.

http://www.pegasus.portal.nom.br/

Nenhum comentário: